Fujifilm X100 - um ano depois

Bem, faz quase um ano que tenho a Fujifilm X100! Na altura eu tinha uma Canon 500D com uma 50mm, mas o volume da máquina e a distância focal da lente irritava-me mesmo muito.. resolvi então vender todo o material Canon e comprar esta pequena Fuji.

Um ano passado, aqui ficam algumas opiniões sobre a máquina.

O aspecto

Esta máquina não foi amor à primeira vista para mim.. na realidade não gostei da estética, pareceu-me que imitava as Leicas em demasia. Um ano depois, habituei-me ao aspecto dela, tendo apenas algumas queixas:

 - A cor da máquina não é boa para passar despercebida, especialmente em dias de sol, porque o prateado com brilhantes brilha realmente imenso! Esta máquina ficaria muito melhor em preto, mas a Fujifilm só se lembrou disso depois de eu a comprar assim.

 - A pintura não é tão resistente como parece.. a base da máquina já se riscou um bocado, bem como a zona do polegar e a zona à volta da alça.. e o pior de tudo é que por baixo da tinta está uma liga metálica prateada feia.. acabei por colocar alguma fita-cola preta em algumas zonas, não só para proteger o desgaste como para melhorar o “grip”

Autofocus?

Epá, não. Eu simplesmente não consigo usar esta máquina na rua com o AF ligado. Só uso mesmo o AF quando estou a fotografar coisas estáticas, para pessoas uso sempre o foco manual com focagem à zona (um tutorial do Eric Kim aqui)

Facilidade de operação

Comparada com a Canon, a Fuji é mais complicada de configurar (os menus são demasiado longos e não fazem muito sentido), mas mais fácil de usar, por ter rodas de selecção de abertura e de velocidade manuais. Claro que a minha Lomo é mais fácil de usar, porque é toda automática, mas a X100 é um bom compromisso entre automatismo e facilidade de uso.

Qualidade de imagem

Sem dúvida o melhor desta máquina. A definição a partir de 2.8 é espectacular, posso usá-la a ISO 1600 sem me preocupar com ruído.. bem, podem ver as minhas imagens favoritas tiradas com ela aqui!

Ultimamente tenho-a usado pouco, por estar a gostar mais de usar filme que digital.. mas para fotografia com flash na rua esta máquina é mesmo do melhor que há.

Perguntam-me várias vezes o que acho desta máquina, e no fim acho que a resposta é simples: é uma excelente máquina, se se conseguir viver com os pequenos “defeitos” que ela tem :)

  1. brunocstreet publicou isto
blog comments powered by Disqus